O fatídico dia 10 de abril de 1970 na história dos Beatles!

Há exatos 42 anos, no dia 10 de abril de 1970, Paul McCartney anunciava ao mundo a separação oficial dos Beatles através de um comunicado. Pouco tempo depois, John Lennon confirmava que “o sonho havia terminado”. Na realidade, o grupo já tinha deixado de tocar juntos havia alguns meses, quando terminou a gravação do álbum “Abbey Road”. Os quatro estavam se dedicando a projetos pessoais, mas ninguém se atrevia a anunciar ao mundo a separação. A princípio a gente pensou que o sonho havia acabado mesmo, por que não poderíamos jamais imaginar o que estava por vir, e aqueles sete anos de intensa produção, que foram de 1963 a 1970, ficariam “para sempre”!

Eu vivi a “coisa toda”, e me recordo que foi como se alguém muito próximo da gente tivesse partido! Fez-se silêncio nas rodinhas de amigos, quebrado por monossilábicos sons e frases interrogativas!
A tristeza tomou conta de todos, pois ninguém sabia que em um futuro muito próximo, aqueles rapazes que haviam conquistado o mundo e os corações das jovens dos anos 60, iriam ser muito referenciados, tanto quanto Mozart, Liszt, Schuber e Beethoven o são, pois eles foram os pioneiros numa época em que a ordem era mudar para acompanhar o tempo.
John, Paul, George e Ringo transformaram o ‘iê-iê-iê’ em cultura e colocaram o Rock em um patamar de respeito. Quantos de nós devemos a eles o estímulo para a escolha da profissão, uma conquista, um namoro, o casamento, a escolha dos nomes dos filhos. Quantas vezes namoramos ao som de “If I Fell” e nos acabamos num “salão de baile” gritando “Helter Skelter”! Tudo isso devemos a esses rapazes que nasceram em Liverpool…Depois que saiu nos jornais e as TVs anunciaram que Paul tinha saído dos Beatles, fãs correram para a porta da Apple Corps querendo saber o que houve.

Segue um vídeo onde um grupo de fãs são entrevistados após Paul deixar oficialmente os Beatles. Pode-se ver o desespero que foi na época o tal anúncio… Os únicos que foram vistos saindo do prédio da Apple naquele dia foram Mal Evans junto com Ringo Starr, mas entraram no carro e nada falaram. No mesmo dia George Harrison daria uma entrevista, mas também nada falou sobre a atitude de Paul.

Na entrevista concedida por John Lennon a Jann Wenner, editor da “Rolling Stone”, em dezembro de 1970, ele fala sobre o fim dos Beatles e comenta sobre os álbuns recentes de George Harrison (“All Things Must Pass”) e de Paul McCartney (“McCartney I”).
Lennon deixa extravasar toda a sua amargura com relação a McCartney.

Segue um vídeo com parte da entrevista, legendado em Português:

Pois bem, passado o susto e a angústia de ver nossos ídolos se separando, veio a certeza de nunca mais poder ouvir aquelas canções que embalaram nossas vidas e nossos sonhos. Como viver sabendo que aqueles lançamentos tão esperados dos discos não mais aconteceriam? Ficar imaginando o que viria depois de Abbey Road, aquele álbum sensacional, o que mais teríamos se eles não tivessem rompido? A resposta para esta pergunta deixou de existir definitivamente em 1980. Restou o consolo de pensar que na verdade a banda parou no momento certo e ficou imortalizada justamente por ter parado no alto da montanha.

Numa entrevista em 1975, John Lennon diz que o retorno dos Beatles não era impossível, e que havia sim, a possibilidade de uma reunião dos quatro, conforme podemos ouvir com suas próprias palavras, aqui neste video:

George Harrison comenta em sua entrevista ao Fantástico, em 1979 quando esteve no Brasil, que os Beatles se tornaram uma limitação para os quatro integrantes, já que era evidente que eles estavam muito amadurecidos musicalmente e precisavam cada um de mais espaço para mostrar suas canções. Acho que tudo nas nossas vidas acontece no momento certo, então os Beatles chegaram ao fim porque tinha que ser assim, para que cada integrante pudesse ter liberdade de mostrar o melhor de si em carreira solo!
Enfim, me resta o consolo de saber que fui muito privilegiada por ter crescido junto com a genialidade dos Fab Four, e isso me dá um grande prazer, principalmente por que posso até hoje ainda continuar vivendo a Beatlemania.

Documentário sobre a Separação da Banda, contendo depoimentos, fotos, músicas:

E os Beatles oficializam a separação…

Um pouco do que foi a trajetória dos FAB FOUR, os Quatro Fabulosos rapazes de Liverpool, The Beatles!

A mediados de los años 60, Los Beatles viajaron desde Liverpool para asentarse en Londres. Allí, con Inglaterra a sus pies, los cuatro jóvenes empezaron a codearse con el ambiente del rock, el arte y la realeza.

Em meados dos anos 60, os Beatles deixaram Liverpool para se estabelecerem em Londres. Ali, com a Inglaterra a seus pés, os quatro jovens começaram a familiarizar-se com o ambiente do Rock, da arte e da realeza.

Un hermoso recorrido por algunas de aquellas grandes y recordadas canciones que nacieron en el corazón y en las calles de Liverpool.

Um lindo passeio por algumas das grandes canções que nasceram no coração e nas ruas de Liverpool.

Sin dudas que Abbey Road no es una calle más para los Beatles. Es quizás, junto con Liverpool, el lugar más representivo e importante para ellos. Una calle que fue un nombre de un disco y de un estudio.

Sem dúvida que Abbey Road não é apenas uma rua para os Beatles. Talvez seja, junto com Liverpool, o lugar mais representativo e importante para eles. Uma rua que foi um nome de um disco e de um estúdio.

And in the end, the love you take, is equal to the love, you make…

2 respostas em “O fatídico dia 10 de abril de 1970 na história dos Beatles!

  1. Pingback: Há 45 anos, McCartney anunciava o fim da banda The Beatles! | WE LOVE THE BEATLES FOREVER

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s