Entrevista de Brian Epstein em 1964

O programa “Musical Time Machine”, de Marc Riley, nos transporta de volta a uma era bem diferente! Era o início da revolução pop, quando a Beatlemania estava prestes a tomar conta do mundo.
brian epstein interview at bbc

Em março de 1964, Bill Grundy entrevistou o “quinto Beatle”, o empresário Brian Epstein, para o seu programa de rádio regional, “Frankly Speaking” (Falando Francamente).

Os arquivos da BBC foram revisitados e aqui podemos ouvir Epstein falando abertamente sobre como e quando ele descobriu os Beatles e qual foi seu sentimento ao vê-los se apresentarem pela primeira vez. Ele revela seu papel na mudança da imagem dos Beatles, exatamente o que um empresário deve fazer e revela suas teorias sobre por que eles iriam ser um sucesso na América.
Além disso, Brian conta como ele reagiu quando Paul chegou atrasado para sua primeira reunião com ele.

Nesta entrevista histórica de 1964 e que foi transmitida no programa de Marc Riley pela Rádio 6 da BBC, Brian Epstein conta a Bill Grundy, da TV Britânica, sobre a primeira vez que viu os Beatles se apresentarem, e diz que foi “an eye opener”.

Ele descreve a cena:

…“darkened, dank smoky cellar in the middle of the day” and seeing fans watching “four young men on stage rather scruffily dressed in a nice possible way, or I should say in the most attractive way, black leather jackets and jeans, long hair, of course, and rather untidy stage presentation, not terribly aware and not caring very much what they looked like.”
(…uma adega escurecida e úmida no meio do dia e eu via os fãs assistindo quatro jovens rapazes no palco, vestidos de forma agradável, possívelmente, ou talvez eu devesse dizer, de maneira mais atraente, com jaquetas de couro preto e jeans, cabelos compridos, é claro, uma apresentação no palco bastante desarrumados, não muito conscientes e não se importando muito com o que pareciam.)
Brian notou, porém, que… “I think they cared more even then what they sounded like.” (eu acho que eles se importavam sim, mais do que aparentavam).

Epstein disse que a decisão inicial do grupo de mudar aquela aparência foi mutua, embora a decisão de usar ternos tenha sido feita com muita relutância (“very reluctantly”).

A entrevista também revela que George Harrison foi quem originou a brincadeira do… “he’s very clean”, que aconteceu durante as filmagens de “A Hard Day Night.” Epstein diz que quando Paul McCartney não apareceu para sua primeira reunião com ele, uma ligação telefônica para a casa dele revelou que ele acabara de acordar e estava tomando banho. Epstein diz que George Harrison então comentou: “Well, he may be late, but he’s very clean.” (Bom, el epode estar atrasado, mas está bem limpo).

Ouçam aqui a entrevista transmitida pela Rádio BBC temporariamente:

FONTE: Examiner.com, por Steve Marinucci

Anúncios

3 respostas em “Entrevista de Brian Epstein em 1964

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s