Carta de John Lennon para Paul McCartney, escrita em 1971.

Segue o texto traduzido de uma matéria que saiu no “Melody Maker” em 20 de novembro de 1971, sobre a carta “desaforada” de John para Paul em 1971.

Foi uma entrevista com Paul sobre o início de sua nova banda Wings na época.
Paul fala, além de sua nova banda, de Allen Klein, dos ex-colegas e das brigas com eles na justiça..

Ao ler a matéria, John Lennon decidiu escrever uma carta aberta à imprensa, dirigida a Paul.

A tradução é somente das partes mais interessantes, pois é uma matéria muito longa.
Preparem-se, pois John Lennon solta os cachorros de tal maneira que faz com que “How Do you Sleep?” fique com cara de “Yellow Submarine”.

A raiva de Paul para com Allen Klein é obvia mas suas atitudes perante aos seus ex-companheiros é mais de preocupação do que de descontentamento. Ele se preocupa com o relacionamento dos 3 com Klein, mas diz que já se cansou de alertá-los. Eles estão cansados de serem alertados, então Paul quer apenas sair. Não há raiva quando Paul fala de John: “John e Yoko não são “maneiros” no que estão fazendo. Eu os vi falando na televisão um dia desses, e as coisas que eles querem fazer juntos são basicamente as mesmas coisas que eu quero fazer com a Linda.
” A imagem de John agora é toda aberta e honesta. Eu gosto do seu álbum Imagine, mas não gostei do outro. Imagine é o que John realmente gosta, tinham muitas coisinhas políticas nos outros álbuns.”
E “How do you sleep”? ” Eu achei bobo, o que é que tem demais eu viver cercado de pessoas corretinhas? Eu tenho bebês corretinhos ( straight ). Isso não me afeta em nada. Ele diz que a única coisa que fiz foi “Yesterday” e ele sabe muito bem que isso não é verdade.

(…) você sabe, eu fui chamado pra tocar no Concerto para Bangladesh e eu não fui. Bem, preste atenção, Klein chamou a imprensa e disse pra todo mundo que eu me recusara, mas não foi assim. Eu expliquei pro George que eu não iria porque a imprensa mundial ia fazer a maior farra, pois os Beatles estavam juntos novamente e eu sei que isso faria o klein muito feliz. Teria sido um evento histórico e Klein ia levar todo o crédito.
“Eu só queria que nós quatro nos encontrássemos e assinássemos um papel que diria que está tudo acabado. Vamos dividir o dinheiro por quatro e pronto.
Ninguém mais estaria lá, nem mesmo Yoko ou Linda ou mesmo Allen Klein. Era só isso que eu queria, mas John não vai fazer isso.
Todos acham que eu sou o agressor, mas não sou. Eu só quero sair fora!!”
Paul fala ainda de sua fazenda na Escócia, dos planos dos Wings, da raiva de não possuir os direitos das músicas dos Beatles e diz que jamais possuirá “Yesterday” , nem daqui a 50 anos. Fala sobre a “Northern songs” e como os Beatles perderam dinheiro com ela.

A resposta de John Lennon

Em 04 de Dezembro de 1971, John escreve ao Melody Maker pedindo para que haja espaço para ele poder contar o outro lado da história. Algumas partes, no original, foram retiradas, pelo excesso de palavrões que John escrevera…

Queridos Paul, Linda e os pequeninos McCartneys,

(…) Talvez haja uma resposta por aí em algum lugar. Pela milésima vez nesses últimos anos eu repito: E os impostos? Tá tudo beleza em ficar atuando como um Paul honesto no Melody Maker, mas você sabe muito bem que nós não podemos apenas assinar um maldito papel.
Você diz : ” o John não vai assinar”, mas eu assinarei se você me indenizar com a receita federal. De qualquer forma você sabe que depois de nos encontrarmos a porra dos advogados vão ter que concordar com qualquer acordo que fizermos! Não é?
Se eles tivessem alguma forma de acordo entre eles antes, as coisas seriam mais fáceis. Mas depende de você, como eu já disse várias vezes. Nós nos encontraremos em qualquer lugar que você queira, apenas DECIDA-SE!!!!
Ed, há duas semanas eu te liguei e te pedi: ” Por favor, vamos nos encontrar sem advogados e aí poderemos decidir o que queremos e eu ainda dei ênfase no “MacLen”, que é problema principalmente nosso, mas você se recusou, né?
V ocê disse que de maneira alguma venderia para nós, e se nós não fizéssemos o que você queria você iria na justiça novamente. E que o George e o Ringo iriam me quebrar, etc, etc.
Eu fui extremamente correto com você, mas você queria me derrubar com a sua lógica emocional. Se você não é o agressor, quem foi que nos levou na justiça?? E acabou com a gente em público?? Como eu havia dito antes, você já pensou na possibilidade de estar errado? O que você pensa sobre o Klein é inacreditável.
Você disse que cansou de nos avisar sobre o Klein e que nós secretamente achamos que você está certo. Meu Deus, você sabe o quanto estamos certos sobre o Eastman!
(…)você estava certo sobre New york, realmente é o lugar pra se estar.Nos nos mudaremos para lá por volta de 74. Você talvez mude para lá um dia, mas, é mais ou menos uns dois anos que demora pra você se decidir, né?
Outra coisa, o que você quis dizer sobre “o grande evento lá em Toronto”?
Foi completamente espontâneo, me ligaram numa sexta e no sábado eu estava lá.
Eu vomitei porque eu estava bêbado! Ouça o álbum, também não teve ensaios. Anda Macca!!!
Aceite!!!! “Nós ( no Wings ) nunca tocamos juntos”, você diz. “Apenas meia dúzia de shows sem muito fuzuê! Eu e Yoko estamos fazendo o que você está fazendo já faz 3 anos!!! eu disse que era estupidez com os Beatles, e ainda é!
Então anda, faça, faça, faça, faça, Ed!!
“Então você acha que Imagine não era político! É “working class hero” com açúcar em cima, para conservadores como você!!! Vc provavelmente não entendeu nada! imagine, você levou “How do you sleep?” tão ao pé da letra…..
Escuta aqui, meu velho e conservador parceiro, foi a “press conference” do George e não do “débil” Allen klein, como você disse. Ele apenas disse o que você disse: ” eu adoraria ir mas….”
De qualquer forma, nós fizemos pelo mesmo motivo, a coisa dos Beatles. Eles ainda chamam de show dos Beatles, com apenas dois deles lá.
Ahhh!!! você quer por a sua foto no selo que nem os bregas John e Yoko, né? Você não tem vergonha na cara???? Se nós não somos “maneiros” por que você quer fazer o mesmo???
Sem ressentimentos para com você também.
Eu sei que basicamente nós queremos o mesmo. E como eu disse ao telefone e nessa carta, tudo o que você tem que fazer é me chamar.
Tudo o que você precisa é amor.
Poder para o povo.
Libertem todos os prisioneiros.
Prendam os juízes.
Amor e paz,

John Lennon
P.S. A parte que nos deixou mais putos foi quando você pediu para nos encontrarmos sem Linda, sem Yoko.
Eu achava que você já havia entendido!
EU SOU JOHN&YOKO!!!

PPS. Até os seus advogados sabem que nós não podemos apenas assinar um pedaço de papel!!! ( ou será que eles não te contaram???)

FIM
Em tempo:

John acabou descobrindo que Allen klein era mesmo um safado. Este, na hora que viu que a coisa ia estourar pro lado dele, entrou na justiça contra John, George e Ringo, mas não pode entrar contra Paul, pois Paul não tinha assinado nada com ele.
Klein pegou o dinheiro do Concerto para Bangladesh, brigou com Yoko e nem queria saber de Ringo.
O cara era um safado, mesmo! Paul estava certo!
Paul diz em sua biografia que os outros jamais lhe pediram desculpas. Só uma vez que George falou: “É cara, você nos livrou de uma com o Klein!”
John pediu desculpas a Paul com a música “I know” de 1973, que está no álbum Mind Games, porém é coisa que nunca ficou bem esclarecida!

Lennon e McCartney

4 respostas em “Carta de John Lennon para Paul McCartney, escrita em 1971.

  1. Poxa vida, eu sempre pensei que a única culpada da separação dos Beatles, fosse a Yoko, mas pelo que entendi na carta, eles já estavam se desentendendo, E aí foi o fim! Que pena! E os quatro rapazes de Liverpool, nos fazem falta até hoje, ainda bem que temos o Mister Paul com toda sua simpatia, para nos alegrar.

  2. a musicalidade de Harrison fez muita falta a todos componentes BEATLES, ASSIM COMO AS MÚSICAS LENNON & MCCARTNEY, NUNCA + ACONTECERAM, RINGO PODERIA SER SUPERADO, MAS O SEU “FEIJÃO C/ ARROZ” NA BATERIA NINGUÉM CONSEGUIU FAZER.
    PAUL MCCARTNEY AGORA É + BRASILEIRO QUE ALGUNS “brasileiros”…

  3. Pingback: Carta “desaforada” de John Lennon para Paul McCartney, escrita em 1971 | The Beatles College

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s