The Flemings / Os Jovens / Paulo e Mary: A trajetória musical de Paulo Machado Ribeiro Leite

Canções que fazem parte da Trajetória Musical de Paulo Machado Ribeiro.

Canções que fazem parte da Trajetória Musical de Paulo Machado Ribeiro from Lucinha Zanetti on Vimeo.

Neste vídeo, as canções:

1 – Você fala demais – Os Jovens
Você Fala Demais é o nome da música de maior sucesso de Os Jovens. É de autoria de Puruca e foi regravada diversas vezes por outros artistas, inclusive por Paulo e Puruca em um disco no selo “Gema”, sendo a última de um pout pourri com o tradicional grito do Tarzan, feito pelo Puruca!

2 – Be bop a Lula – The Flemings
Be Bop a Lula foi gravada primeiro pelos Flemings na gravadora que o Carlos Imperial indicava para que eles fossem gravar e para depois mandavam o disco para o interior para que fosse divulgado quando o conjunto estava perto de ir a alguma cidade fazer um Show.
Paulo E Mary levavam ao público esta música, pois era um hit de Rock. Certa vez eles foram acompanhados no programa “Festa do Bolinha” de Jair de Taumaturgo pelos Canibais. Paulo E Mary gravaram também pela Gravadora “Atonal”, na época em que o maestro Miguel Sidars estava lá. O acompanhamento é do conjunto The Flemings.

3 – Cartão Vermelho – Os Jovens 1980
Cartão Vermelho é uma gravação d’Os Jovens de 1980, com Renato e Seus Blue Caps. Fazem nesta gravação um raro dueto de guitarras com participação de Renato Barros em duas vozes.

4 – Splish Splash – Paulo e Mary
Em Splish Splash, Mary canta e Paulo faz o coro.

5 – Festa de Arromba – Paulo e Mary
Em Festa de Arromba Paulo canta triplicando a voz e Mary faz o coro também triplicando a voz.

6 – Dê Carinho a Ela – Os Jovens (Paulo e João José) 1968
Em “De Carinho a Ela” Os Jovens Paulo e João José cantam com o acompanhamento do conjunto The Brazilian Bitles – foi gravada em 1968.

7 – Jovem Ainda Sou – Os Jovens – 1980/1 (Paulo e Puruca)
A canção “Jovem ainda Sou”, com Os Jovens, ou como sugeriu o terceiro sócio de Renato Barros na gravadora “Gema”, com o “Espírito dos Jovens”, pois ele achava que eles já estavam velhos aos 34 anos para serem chamados de Os Jovens. Como resposta, Paulo e Puruca fizeram a canção “Jovem ainda Sou” em 1980/81.

Paulo conta como foi que esta canção foi composta: “Essa musica fiz qd estava em crise conjugal. O Puruca passava no meu escritório após as 18 hs e minha sócia faiza um jarrão de “laranvodka” deixada na geladeira. No meio da jarra fiz um solo na minha guitarra”irado” q nem o do Mike Fox ( de volta p o futuro) e como ele parei qdo vi meus colegas todos de olhar fixo ( e rútilo) por causa da vodka) Parei sem jeito pois eles sabiam do meu drama. Puruca então falou.” Paulo isso dá música”Querendo me ajudar a esquecer começou ” Esqueci e eu Os Meus sonhos com vc Ele Esqueci Minha vida c vc e assim foi. A vodka não nos deixou terminar naquele dia. Na semana seguinte, sabedores q não seríamos mais OS JOVENS decisão administrativa da GEMA. Acrescentei o grito JOVEM AINDA SOU! Sabendo que o Puruca adorava lançar seu grito de Tarzan sozinho só que na gravação bradei numa oitava a mais e fui aumentando como vcs podem ouvir. A crise teve um final feliz e estamos juntos até hoje, ufa.. acho que ‘Jovem Ainda Sou’ ajudou a enternecer a Mary. eh eh eh

8 – Mil Momentos Juntos – The Flemings
A música “Mil Momentos Juntos” foi a última gravada com Os Flemings. A letra é de Paulo (letra de auto ajuda) e Mary.

9 – Sócio não Dá – Os Jovens (Paulo e João José)
Em “Sócio não Dá”, Os Jovens Paulo e João José gravaram em 1968 com acompanhamento do conjunto The Brazilian Bitles pela Polydor.

10 – Uma versão da canção dos Beatles “All My Loving” feita por Horácio Ramasine e Paulo Ribeiro em 1964-65, antes de tomarem conhecimento daquela feita por Renato Barros. Os Jovens gravaram direto da mesa de som do Pena quando tocavam em bailes comemorativos da Jovem Guarda.
Paulo recorda que Horácio escreveu primeiramente “teus olhos tão verdes meu bem” e ele questionou: “por que havemos de agradar apenas as garotas de olhos verdes? Vamos botar ‘olhos tão lindos’. ”

Por ordem crescente, estão Paulo Mendes, baterista, Ronaldo Paladini, Baixo, Luiz Pacheco, Piston, Luiz Antonio, Guitarra, Paulo e Luiz Carlos, líder do The Flemings, e chamado de galã na época por Carlos Imperial.

Por ordem crescente, estão Paulo Mendes, baterista, Ronaldo Paladini, Baixo, Luiz Pacheco, Piston, Luiz Antonio, Guitarra, Paulo e Luiz Carlos, líder do The Flemings, e chamado de galã na época por Carlos Imperial.

Todas as informações deste registro foram enviadas por Paulo Machado Ribeiro Leite para o Blog.

7 respostas em “The Flemings / Os Jovens / Paulo e Mary: A trajetória musical de Paulo Machado Ribeiro Leite

  1. ‘Que surpresa Lucy ! Muito grato. Como estou gravando um CD na” CMK” vou incluir essas e as novas q mandei p vc NO pen drive. Vamos convidar a Larinnha, filhinha da Mary ,minha sobrinha q aos 12 anos é um fenômeno musical e já jovemguardista ( ouça no pen drive q mandei, Cawboy Fora da Lei ” com ela CANTANDO e nós -Mary e eu fazendo o coro Vou ver se convoco um dos” Jovens ” para participar ( ou até o dois se for possível ) e convido vc para participar na contra capa em AGRADECIMENTOS ACEITA ? bjs

  2. POR ISSO Q EU DIGO, NÃO SE PODE IGNORAR A COLABORAÇÃO DOS MÚSICOS Q PARTICIPAM DA GRAVAÇÃO. ELES AJUDAM A FAZER O SUCESSO OU NÃO!
    AS “VIRADAS ” DO” BATERA” SÃO INCRÍVEIS. UMA VEZ TOCÁVAMOS NO INTERIOR E APÓS A MUSICA, UM SENHOR DE LA DISSE EM RELAÇÃO OS “BREQUES” ” PARECE UMA “TREVOADA” E O NOME DA BATERIA DO MEU AMIGO PASSOU A SER ESSE !
    T R E V O A D A !!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s