O Compositor Renato Barros (da Banda Renato e Seus Blue Caps)

Ao longo de sua carreira Renato Barros compôs canções gravadas não apenas pela sua Banda Renato e Seus Blue Caps, mas também por diversos cantores de diferentes estilos, como por exemplo Ed Wilson, Wanderléa, Leno e Lílian, Wando, Wanderley Cardoso, Leno, Jerry Adriani, Márcio Greyck, Roberto Carlos, The Fevers, José Augusto, Roupa Nova, Sandra Sá, Roberto Ribeiro, Lápis de Cor, Conrado, Erasmo Carlos, Roberto San, Maritza Fabiani, Pedro Paulo, Reginaldo Rossi, entre outros.

Aqui uma relação de algumas de suas composições.

A Garota Que eu Gosto (Adaptação – Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
A Pobreza (Gravada por Leno)
A Saudade que Ficou (c/ Ed Wilson) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Amanheci Chorando (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Amor Sem Fim (c/ Alessandro) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Angústia (com Leno) 1974
Anjo Rebelde (c/ Nanni e Cid Chaves) – (Gravada por Renato e Seus Blue Caps) -1987
Aprenda a Me Conquistar (c/ Lilian Knapp e Carlinhos)
Aquela Canção (Gravada por Leno)
Aquele Tempo (com Lilian Knapp) – 1995
Arco-Iris (com Rodrigo) 1983 –(Gravada pelo grupo Lápis de Cor)
Atriz – (Gravada por Renato e Seus Blue Caps) – 2001
Baby (com Vadinho) – 1991
Batom Vermelho (c/ Nanni e Gelson Morais) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Beatlemania (Com Erasmo Carlos) (Gravada por Erasmo Carlos) – 1965
Bichinho de Pelúcia (com Hernani Cardoso) 1982 –(Gravada por Renato e Seus Blue Caps) – 1982
Blue Caps Twist (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Boa Viagem (com Nanni/Mariozinho Rocha) 1983 – (Gravada pelo conjunto Roupa Nova)
Bonequinha (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Canção do Homem Só (com Getúlio Côrtes) 1965
Cartão Vermelho (com Clarice Pinto) 1988 – (Gravada por Sandra de Sá)
Castigo (gravada por Maritza Fabiani)
Chorarei, Chorarei, Chorarei (1971) (Gravada por Roberto San)
Choro de Amor (com Erasmo Carlos) 1965 – (Gravada por José Ricardo)
Cláudia (Lodi) (J.C. Fogerty / Versão Renato Barros) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Colcha de Retalhos (com Rodrigo) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Com Dezesseis Anos (com Hugo Belardi) – 1985
Com Você no Coração (c/ Nanni) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Como Há Dez Anos Atrás (gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Como Te Adoro Menina (Quiereme Mucho) (Gonzalo Roig/versão de Renato Barros) 1965 – Ed Wilson
Coração Faminto (c/ Gileno) (gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Devo Tudo a Você (gravada por Jerry Adriani) – 1966
Devolva-me (c/ Lilian Knapp) (Gravada por Leno e Lilian em 1966 e por Adriana Calcanhoto em 2000)
Doce Esperança – 1965
É Tarde Pra Se Arrepender (com Pedrinho) – (Gravada por Leno e Lilian) – 1972
Esta Noite Não Sonhei Com Você (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Está Pra Nascer (Gravada por Leno e Lilian) – 1967
Eu e Você (com Vadinho) (Gravada por José Augusto e Roupa Nova)
Eu Não Sabia Que Você Existia (c/ Tony) (Gravada por Leno e Lilian)
Eu Sei (I’ll Be Back) (Lennon & McCartney / Versão de Renato Barros)
Eu Te Amei Demais (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Eu Te Amo (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Eu Te Quero, Eu Te Adoro (c/ Rossini Pinto) (Gravada por Wanderley Cardoso)
Feche os Olhos (Lennon e MacCartney) (versão) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Fim de Ano Feliz (com Vadinho) 1995
Gaivota (com Rodrigo) 1982 – (Gravada pelo grupo Lápis de Cor)
Gamadinho por Você (Gravada por Erasmo Carlos)
Garota Malvada (I call your name) (Lennon-MacCartney Versão: Renato Barros)
Garotinha (com Gileno) (Gravada por Leno)
Guerrilheiro do Amor (c/ Nanni e Hugo Belardi) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Lar doce lar (c/ Carlinhos) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Limbo do Tra-La-La (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Maior Que o Meu Amor (Gravada por Roberto Carlos)
Me Cace Me Ache (com R. Belardi) – 1985 – (Gravada por Wando)
Memórias (c/ Nanni) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps) 1983
Menina Feia (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Menina Linda (c/ Lennon e MacCartney) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Meu Amigo do Peito (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Meu Bem Não Me Quer (My Baby Don’t Care) – (com Herring) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Meu Primeiro Amor (com Mauro Motta) (Gravada pelos Fevers) – 1975
Meus Domingos Sem Você – (Gravada por Pedro Paulo) – 1970
Monaliza da TV (c/ Nanni) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Não Chore (Stormy) (B. Bule/J.B.Cobb/Versão Renato Barros) – 1969
Não Demore Mais (It’s Good to See You) – 1968 (Peter Shelley/versão Renato Barros) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Não é Nada Disso (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Não Foi o Que eu Fiz (c/ Pedrinho) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Não Há Dinheiro que Pague (Gravada por Roberto Carlos)
Não Maltrate um Coração (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Não Me Perguntem por Ela (Gravada por Jerry Adriani)
Não Precisa Devolver (Meu Retrato) (Gravada por Leno)
Não Quero Mais Saber de Brigas – 1967
Não Vá Embora Sem Me Dizer (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Não Volto Mais (Paperback Writer) (Lennon & McCartney / Versão de Renato Barros)
Não Vou Deixar Você Sair (com Mauro Motta) – 1974
Nem Mesmo em Sonho (Gravada por Leno e Lilian) – 1967
Nos Braços, Nos Olhos e No Coração (c/ Nanni) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Nós Dois (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Noturno em Mi Bemol (adaptação de Renato Barros) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
O Amigo da Onça (com Erasmo) – 1967
O Carro do Papai – 1964 (Gravada por Ed Wilson)
O Brinquedo se Quebrou (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
O Feio (c/ Getúlio Côrtes) (Gravada por Roberto Carlos)
Okay (Okay) (Dave Dee-Dozy-Beaky-Mick-Tich / Versão de Renato Barros) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Onde Está (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
O Escândalo (Shame and scandal in the family) (Huon Donaldson-S. H. Brown Versão: Renato Barros)
O Pica-Pau (c/ Lilian Knapp) (Gravada por Erasmo Carlos)
Orgulho de Menina (Original de Dave Clark Five) (Clark/Smith/ Versão Renato Barros) – 1965 (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Os Costeletas (c/ Getúlio Côrtes e Carlinhos) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Páginas (com Rossini Pinto) – 1974 (Gravada por Márcio Greyck)
Paixão Proibida (A Pobreza) – 1988 – (Gravada por Conrado)
Papel Picado (Gravada por Leno)
Patrulha na Cidade – 1964 – (gravada por Ed Wilson)
Perdi Você (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Pode Me Procurar (c/ Nanni) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Pra Sempre (c/ Nanni) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Preciso Ser Feliz (c/ Paulinho e Lilian Knapp) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Primeira Lágrima (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Que Destino Tenho Eu (com Roberto Bernardes) (Gravada por Jerry Adriani)
Querida Gina (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Quero Um Beijo Seu – (gravada por Pedro Paulo) – 1969
Que Saudade de Você (gravada por Renato e Seus Blue Caps) – 2001
Rainy Day (com Ricardo e Jandira Feghali) (Gravada pelo conjunto Roupa Nova)
Rancho Brasil (com Vadinho) – 1995
Razão e Emoção (Gravada por Roberto Ribeiro)
Renato Collection (com Nanni) – (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Rossi, The King (Gravada por Reginaldo Rossi)
Se Eu Encontrasse (com Guty) – 1965
Se Você Soubesse (c/ Rossini Pinto) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Sem Resposta (com Leno) – 1981 –(Gravada por Leno)
Sem Seu Amor – 1968 – (Gravada por Ed Wilson)
Sem Suzana (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Sem Ter Você (Gravada por Sergio Luiz) – 1967
Sem você (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Sereia (Gravada por Renato e Seus Blue Caps) – 2001
Seria Bem Melhor (com Pedro Paulo) – 1970
Se tu Soubesses (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Sexo Frágil (c/ Nanni) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Sim, Sou Feliz (c/ Paulo César Barros) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Só Falta Você (Gravada por Renato e Seus Blue Caps) – 2001
Sozinho (com Pedro Paulo) (Gravada por Pedro Paulo) – 1970
Só Por Causa de Você (c/ Gileno) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Sol de Primavera (com Rodrigo) – 1983
Sou Amor pra Te Entregar (c/ Massom) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Sou Louco Por Ela (c/ Ed Wilson) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Sou Louco Por Você (com Ed Wilson) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Sou Tão Feliz (Love Me Do) (Lennon & McCartney / Versão Renato Barros)
Suco de Laranja (c/ Ernani Cardoso e Pantera) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Summer Comes Again (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Tão Má pra Mim (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Telefonema – 1963 (Gravada por Ed Wilson)
Tentei Lhe Esquecer – 1969
Todo Mundo Vê que Você Me Quer – 1969
Transa de Amor – 1989
Triste Amor (gravada por Jerry Adriani) – 1965
Tudo Morreu Quando Perdi Seu Amor (gravada por Wanderléa)
Um é Pouco, Dois é Bom, Três é Demais (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Uma Vida Inteira – 1973 (gravada por Jerry Adriani) (Gravada por Jerry Adriani)
Vamos Fundo (c/ Nanni) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Vera Lúcia (c/ Paulo Cezar Barros) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Você Deixou Saudades (c/ Mauro Motta) (Gravada por Jerry Adriani)
Você é Um Pedaço de Mim (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Você Não Serve Pra Mim (Gravada por Roberto Carlos)
Você Não Sabe o Que Vai Perder (Gravada por Roberto Carlos)
Você Quis Zombar de Mim (c/ Ed Wilson) (gravada por Jerry Adriani) – 1967
Você Vai Me Ouvir (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)
Volte Querida (com Lilian Knapp) – 1998
Vou ao Teu Encontro (c/ Ernani Cardoso) (Gravada por Renato e Seus Blue Caps)

RENATO BARROS COMENTA CADA UMA DESSAS COMPOSIÇÕES CITADAS:

.

AQUI UMA BELÍSSIMA COMPOSIÇÃO DE RENATO BARROS QUE NÃO FOI LANÇADA OFICIALMENTE PELA BANDA E POUCOS CONHECEM.

“PENSANDO EM MIM” (RENATO BARROS)


.

“De 1965 pra cá, não fui apenas um simples roqueiro ou um artista da Jovem Guarda.
Passei por várias outras fases novas na música, inclusive como produtor da CBS e comecei a fazer viagens pelo Brasil e pelo exterior, tomando conhecimento e me familiarizando com vários gêneros musicais, desde o brega do cantor José Ribeiro ao Jazz de Sinatra e Nat King Cole.
Aqui no Brasil, conheci Nelson Gonçalves, Gonzagão, Zé Ramalho, Fagner, Zeca Pagodinho, Jorge Aragão, João Nogueira e Roberto Ribeiro, que em seu último CD, gravou um samba de minha autoria, chamado ‘Razão e Emoção’.
Mergulhei de cabeça em todos os estilos musicais e tirei proveito da beleza de cada um, inclusive do Tom Jobim. Sou um fã ardoroso da Bossa Nova e fui talvez o primeiro a desconfiar do incrível talento da Anitta, enquanto todos falavam mal. Agora é que estão reconhecendo (em parte).
Então é isso, música é pra quem nasce com ela.
Agradeço a Deus por isso. Continuo a gostar de música, continuo compondo melodias, mas atualmente não tenho me dedicado muito a fazer letras…” (RENATO BARROS)

Anúncios

As Composições de Renato Barros Gravadas por Roberto Carlos.

RENATO BARROS
Foto by Henrique Kurtz
25/07/2017

Ao longo de sua carreira o cantor Roberto Carlos gravou 05 canções compostas por RENATO BARROS, que são:

1 – O FEIO (Getúlio Côrtes/Renato Barros)

LP Jovem Guarda lançado em novembro de 1965 sob o número CBS 37432.

2 – VOCÊ NÃO SERVE PRA MIM (Renato Barros)

LP Em Ritmo de Aventura lançado em novembro de 1967 sob o número CBS 37525.

3 – NÃO HÁ DINHEIRO QUE PAGUE (Renato Barros)

LP O Inimitável lançado em dezembro de 1968 sob o número CBS 375851.

4 – MAIOR QUE O MEU AMOR (Renato Barros) – LP Roberto Carlos lançado em 1970.

5 – VOCÊ NÃO SABE O QUE VAI PERDER (Renato Barros) – LP Roberto Carlos lançado em 1971.

.

RENATO BARROS em 25/07/2017
Foto: henrique Kurtz

ISTO É RENATO BARROS!

Hoje está fazendo um ano que publiquei a primeira conversa gravada via Internet com o líder da Banda Renato e Seus Blue Caps, o grande músico , compositor e produtor musical, Renato Barros.

Neste primeiro vídeo Renato Barros falou sobre algumas de suas composições, citou os Beatles, falou de sua amizade com Getúlio Côrtes e como começou a parceria deles em composições, lembrou Gileno e de quando compôs “Devolva-me” para a dupla Leno e Lílian, falou sobre as composições suas que Roberto Carlos gravou, explicou por que usou os pseudônimos Richard Brown e Richard Young, finalizando com sua composição em parceria com Vadinho, intitulada “Eu e Você” gravada pelo Roupa Nova e José Augusto e que foi tema da novela Tieta, enfim, uma conversa informal que poderá ser ouvida aqui neste vídeo.

Depois Renato convidou o amigo Getúlio Côrtes e gravamos também esta conversa muito bacana aqui, ocasião em que ele me apresentou o compositor Getúlio Côrtes, que contou a historia de como surgiu sua composição “Negro Gato” entre outras curiosidades…

Depoimento sobre o cantor Reginaldo Rossi:

.

Sobre a gravação da música “Tudo morreu quando perdi seu amor”, gravada pela Wanderléa, Renatodiz:

.
Neste vídeo Renato Barros fala sobre seu gosto musical, onde ele me contou como foi influenciado por sua família a ouvir os clássicos da música americana e de como introduziu músicas internacionais em seus Shows com a banda Renato e Seus Blue Caps.
.

.
E também no Youtube…


.

Em 27 de janeiro de 2017 o músico e apresentador do programa “SINTONIA EM FLASHBACK” pela Rádio Água Viva FM de Apucarana, VICCI VIEIRA, entrevistou ao vivo o músico e compositor RENATO BARROS, da banda Renato e Seus Blue Caps.
Entre outras coisas, Renato contou sobre a formação da banda, falou sobre seu gosto musical diversificado, contou sobre o dia em que foi convidado para um show de Elvis Presley, recebendo um cumprimento dele, um rápido “Hi”!
Falou do grande músico que é seu irmão Paulo César Barros, explicando por que ele o considera o maior baixista do mundo; e falou sobre os próximos shows da banda em Maringá (18/03) e Curitiba (23/04).


.
RENATO BARROS explica por que PAULO CÉSAR BARROS pode ser considerado o melhor baixista do mundo!

.

Renato Barros contando suas memórias.

.

RENATO BARROS FALA SOBRE O REPERTÓRIO DOS SHOWS DE RENATO E SEUS BLUE CAPS
Numa conversa informal via Messenger (desculpem as falhas do sinal da Net…), Renato Barros explica sobre a escolha do repertório nos shows de sua banda Renato e Seus Blue Caps.

.

Aqui Renato Barros explica sobre a escolha do repertório musical nos shows da banda.

Neste vídeo Renato faz esclarecimentos aos fãs sobre a gravação de um DVD da banda Renato e Seus Blue Caps.

Um depoimento de Renato sobre a banda The Fevers:

Além de contar algumas novidades, Renato esclarece sobre os convites que recebe para tocar guitarra e envia mensagem ao seu Fã Clube no Facebook, RENATO E SEUS BLUE CAPS BRASIL (FÃ CLUBE).

Sobre o LP “Suco de Laranja”, Renato Barros disse…

.

Aqui a historia da canção “AMOR SEM FIM”. É uma canção gravada por Renato e Seus Blue Caps e composta por Renato Barros que saiu em CD pela Globo/Columbia sob o número 419.086, em setembro de 1996 e foi ouvida inclusive por George Martin.

Renato conta que a música é cheia de historias, ouçam aqui:

Neste vídeo Renato Barros faz alguns esclarecimentos aos fãs da Banda Renato e Seus Blue Caps.

– Esclarecimento sobre a criação do nome da banda por Jair de Taumaturgo e não por Eduardo Araújo;
– Renato conta como aprendeu a tocar violão;
– O disco de 1976 e o nome polêmico: “10 anos de Renato e Seus Blue Caps”;
– A música “Adorada”, do LP de 1977, que foi inspirada em “That’s what I want” (The Square Set).

Novamente um esclarecimento sobre a escolha do nome da banda:

Neste vídeo um assunto muito discutido pelos fãs, que é sobre os vocais nas canções de Renato e Seus Blue Caps.

Atendendo a inúmeras perguntas sobre quem canta nas gravações dos discos, Renato Barros explica como eram escolhidas as vozes e por que hoje há certa dificuldade em se identificar os vocais em cada uma delas…

RENATO BARROS responde a minha pergunta “por que Renato e Seus Blue Caps é chamado de ‘biruta’, comenta sobre a repercussão da sua homenagem à Bossa Nova nos Shows da Banda e explica como fez o arranjo da canção Hotel California em seus Shows.

RENATO BARROS faz esclarecimentos sobre sua participação como guitarrista acompanhando os cantores da CBS.
Cita a musicalidade de seu irmão Paulo César Barros, faz elogios ao Lafayette, lembra o amigo Mauro Motta e muito mais.

As músicas gravadas por Jerry Adriani e que foram mencionadas nesta conversa são:
“Preciso de Você Agora”, “Se Pensamento Falasse”, “Palavras de Carinho”, “És meu Amor”.

Músico diferenciado e pessoa carismática, Renato Barros agradece publicamente todo carinho que recebe de seu público e fãs de Norte a Sul do Brasil.
Como costumo dizer entre amigos, se no Brasil existisse a comenda britânica ele deveria receber o título de Sir Renato Barros.

RENATO BARROS fala sobre os momentos de lazer em um Bar Restaurante na Tijuca, onde costuma frequentar e cantar, sempre na companhia de amigos.

A historia de como surgiu a canção “Memórias” e “A Primeira Lágrima”:

.

DEPOIMENTO DE RENATO BARROS SOBRE O GUITARRISTA CELSO BLUES BOY
.

.

De como RENATO BARROS teve a sua canção “VOCÊ NÃO SERVE PRA MIM” gravada por ROBERTO CARLOS.
.

.
DE COMO SURGIU A CANÇÃO “NEGRO GATO”, de GETÚLIO CÔRTES
RENATO BARROS e GETÚLIO CÔRTES contam a historia da canção “Negro Gato”, que foi gravada por Renato e Seus Blue Caps no LP Viva a Juventude e posteriormente por Roberto Carlos, no LP de 1966.

.

.

… Falávamos sobre as comemorações pelos 100 anos de Dalva de Oliveira… quando de repente…

.

.

Mensagem para a amiga DIVINA VALÉRIA
.

.

RENATO BARROS envia mensagem para GERALDO ALVES e relembra a importância da banda Renato e Seus Blue Caps para a CBS e o sucesso de vendagem de discos, mesmo não tendo tido apoio da mídia.
.

.

Numa conversa informal, RENATO BARROS fala sobre a banda RENATO E SEUS BLUE CAPS no passado e no presente, e entre outras coisas, esclarece sobre os vocais nas gravações, as formações que a banda teve em sua longa trajetória até chegar na atual, que vem desde 1989…
.

.

RENATO BARROS CONTANDO QUEM O AJUDOU NO INÍCIO DE CARREIRA (MENSAGEM PARA ANTONIO AGUILLAR) E TAMBÉM QUEM TENTOU PREJUDICAR A BANDA.

RENATO BARROS fala sobre quem ajudou a banda RENATO E SEUS BLUE CAPS no início de carreira e manda mensagem para o “Timoneiro da Juventude”, ANTONIO AGUILLAR.
Ele também fala sobre quem o prejudicou durante sua trajetória artística… ouçam!
.

.

RENATO BARROS CONTA COMO SURGIU A CANÇÃO “PRIMEIRA LÁGRIMA”

.

.

RENATO BARROS E AS COMPOSIÇÕES “EU E VOCÊ” E “RAZÃO E EMOÇÃO”.
.

.

HOMENAGEM AO CANTOR E COMPOSITOR TITO MADI
.

.

RENATO BARROS FALA SOBRE O BLOQUEIO DE MÚSICAS DE SUA AUTORIA
RENATO BARROS fica indignado com o bloqueio de sua música pelo Facebook, que alegou direitos autorais de outros em uma composição sua. Aliás, já havia acontecido isso com músicas gravadas por Renato e Seus Blue Caps, como “Memórias” e “Não me Interessa”.

.

RENATO BARROS responde a algumas perguntas enviadas por músicos e fãs da banda Renato e Seus Blue Caps.
.

.
MENSAGEM DE RENATO BARROS
Aqui a opinião de RENATO BARROS sobre os comentários negativos que recebeu ao publicar sobre um abraço enviado à banda por uma figura pública, o Deputado JAIR BOLSONARO.
(Democracia também é poder ter liberdade ideológica e de expressão.)
E nos lembramos da mensagem de Charles Chaplin, que dizia pra gente se animar pois que haverá sempre um amanhã brilhante, quando a gente simplesmente sorrir!
Smile / Sorria
Smile, though your heart is aching
Sorria, embora seu coração esteja doendo
Smile, even though it’s breaking
Sorria, mesmo que ele esteja partido
When there are clouds in the sky
Mesmo quando houver nuvens no céu,
You’ll get by…
Você conseguirá superar tudo…
If you smile…
Se você sorrir…

.

RENATO BARROS PRESTANDO UMA HOMENAGEM AO GRUPO MANCHESTER.

Uma homenagem de RENATO BARROS a Paulo, Zilma, Altanir Freitas, Amaury Freitas, seus amigos que pertenceram ao grupo Manchester, cujo disco foi todo produzido por Scarambone, ex-tecladista da banda Renato e Seus Blue Caps.
.

.
RENATO BARROS FALA SOBRE O DISCO RICHARD BROWN AND HIS ORCHESTRA.

RENATO BARROS conta como foi que surgiu o disco orquestrado sob pseudônimo de RICHARD BROWN AND HIS ORCHESTRA PRESENTS… lançado em fevereiro de 1972.

Faixas

1 – Help (Get Me Some Help) (Daniel Vangarde, Nelly Bill)
2 – You’ve Got A Friend (Carole King)
3 – Have You Ever Seen The Rain (John Fogerty)
4 – Don’t Let It Die (Smith)
5 – Barbarella (Freitag – Siegel Jr, -Jay)
6 – Butterfly (H. Barnes, R. Barnet, Daniel Gerard)
7 – The Fool (G. Montagne)
8 – Go Away Little Girl (Goffin, King)
9 – Acapulco Gold (T. Randazzo, V. Pike)
10 – They Long To Be (Close To You)(Bacharach, David)
11 – Mighty Clouds Of Joy (Buddy Buie, Robert Nix)
.

.

O LP RENATO E SEUS BLUE CAPS 1967 COMENTADO FAIXA A FAIXA.

Prestes a completar 50 anos em dezembro, o álbum RENATO E SEUS BLUE CAPS de 1967, que segundo RENATO BARROS ficou conhecido como “O DISCO DO LAMÊ”, segue aqui comentado faixa a faixa por ele, o seu criador.

Nota: Reg Presley, autor da música original (I can´t control myself) cuja versão originou “Não posso me controlar”, fazia parte de uma banda britânica dos anos 60 chamada The Troggs. Era vocalista e como vimos, também compositor.
No dia 04 de fevereiro de 2013, o vocalista Reg Presley faleceu aos 71 anos, vítima de câncer do pulmão.
.

.

O LP TWIST (1962) COMENTADO POR RENATO BARROS.

Alguns destaques comentados por RENATO BARROS sobre o disco:

– Gravado pela Copacabana Discos, o nome da primeira faixa, “Peppermint Twist”, era de uma boate em Nova York chamada Peppermint;
– Renato conta como surgiu a ideia de se fazer o disco com os artistas cantando 04 músicas cada um;
– Na música “I like Twist with my baby” o pai de Renato faz participação batendo palmas;
– O grupo “Os Cariocas” participam em duas músicas fazendo “backing vocal”: Cuide Certinho do Meu Bem, versão de Demetrius e Bonequinha, composição de Renato Barros.
– O caso da ausência de um baterista para a gravação do disco, o que fez com que Renato Barros tocasse a bateria em uma das músicas do disco.
NOTA: O Diretor da Copacabana Discos a quem se referiu Renato Barros era Nazareno de Brito.
.

.

RENATO BARROS CONTA COMO CONHECEU IVAN BOTICELLI.

Complementando sobre o disco “Twist” que publicamos ontem, 30/11, RENATO BARROS fala sobre a participação de IVAN BOTICELLI na banda Renato e Seus Blue Caps, de 1960 a 1962, e de como eles se conheceram, que foi em uma daquelas “gigs” que os jovens músicos costumavam fazer…

Neste vídeo, cenas do filme “Rio, Verão e Amor”, em cuja abertura Boticelli toca piano no conjunto de Bossa Nova.
.

.

RENATO BARROS COMENTANDO O LP RENATO E SEUS BLUE CAPS DE 1963.

RENATO BARROS comentando sobre o álbum RENATO E SEUS BLUE CAPS de 1963, ocasião em que ele recordou sobre o programa de Jair de Taumaturgo, as gravações de “Lobo Mau” (enviou abraço para Hamilton di Giorgio); a música Comanche versus Apache; a atriz fazendo um bebê na música “Boogie do Bebê”, as músicas não autorizadas, “Kathleen” e a paródia “O Bode e a Cabra” (gravação descoberta pelo Leno nos arquivos da CBS)… e muito mais! Ouçam!
.

.

RENATO BARROS envia mensagem de agradecimento pelas homenagens que a banda tem recebido, em especial ao músico TARCÍSIO CASANOVA, que criou uma página para homenagear a banda.
A gravação desta conversa informal ocorreu no início da noite de hoje, 09 de janeiro de 2018, Renato no Rio de Janeiro e Lucinha Zanetti em Piracicaba.
.

.

RENATO BARROS FALA SOBRE OS BAIXISTAS E A CAPA DO LP DE 1969.

RENATO BARROS falando sobre os baixistas que passaram pela banda Renato e Seus Blue Caps e de quando Cadinho (Cláudio) entrou para o grupo.
Sobre a capa do disco de 1969, ele explica que era uma época em que estava em voga o psicodelismo, daí terem escolhido uma capa com este tema.
.

.
RENATO BARROS COMENTA SOBRE MÚSICAS DE SUA AUTORIA
.

.

RENATO BARROS EXPLICA QUEM COMPÔS A MÚSICA “EU NÃO ACEITO O TEU ADEUS”

.

As composições de RENATO BARROS comentadas pelo próprio compositor.

.

Quem é “Jovem Guarda”, guarda o que ficou!

Usei uma frase de Leno Azevedo no título desta postagem para falar de um compositor pouco conhecido na mídia nacional, mas que tem um grande talento, bastante reconhecido pelos amigos e pessoas que o cercam.

Estou falando de Oscar Fornari, músico, compositor e pensador.

Oscar Fornari e seu raro LP “The Beatles” em vinil.

Oscar possui um estilo “clean” de compor seus Rocks românticos o qual nos remete facilmente às belas tardes de domingo, quando às 5 horas em ponto a gente costumava se sentar diante da TV ligada na Record, Canal 7, esperando o “Brasa” Roberto Carlos e sua turma… Eu fazia parte daquele auditório, e durante toda a minha adolescência e juventude, tive por trilha sonora da minha vida aquelas ingênuas e alegres canções, muitas delas inspiradas naqueles quatro rapazes que também despontavam para o mundo, sobrepujando todos os setores da música internacional, e fatalmente atingindo a música brasileira.

E, Beatlemaníaca que sou, vou compartilhar aqui com os amigos algumas das belas canções compostas por Oscar Fornari.

“Eterna Jovem Guarda” fala de como a Jovem Guarda influenciou desde a MPB até a música Sertaneja, seu título é “Eterna Jovem Guarda”

A Letra

Eterna Jovem Guarda

Jovem Guarda, que guarda saudade
que na verdade é mais que atual
O Rock que não tem idade é na realidade
paixão nacional…sempre atual…

Jovem Guarda naquele momento
Mais que um movimento, o país assistiu
Inspirou Rita e Raul, um acontecimento
em todo Brasil, o Rock explodiu

Foi um acontecimento…yé yé yé…
Será pra sempre lembrada yé yé yé
Hoje e a todo momento
Eterna Jovem Guarda

Jovem Guarda até hoje “arrebenta”
Inspirou anos “80” em todo o Brasil
Léo Jaime, Cazuza, Titãs, “Legião” muitos fãs…
O Rock’n’ Roll explodiu…todo mundo viu…

Jovem Guarda, que com toda a certeza
até sertaneja se inspirou e cantou
Forrozeiro de cabelo comprido, cantando Cupido
O tempo mostrou, que nunca acabou

Foi um acontecimento…..yé yé yé
Será pra sempre lembrada yé yé yé
Hoje e a todo momento
Eterna Jovem Guarda

“Jovem Guarda, Canções, Sonhos e Emoçoes”, também de autoria de Oscar Fornari, concorreu para representar um evento sobre a Jovem Guarda.
Segue a letra e o audio.

Se alguém quiser manifestar opinião sobre qual das duas canções representaria melhor o evento, deixe um comentário aqui, será muito benvindo!

A Letra

Canções, Sonhos e Emoções

O tempo passa e nem se percebe
Que de repente a gente cresceu
Cresceu, mas nunca se esquece
Tudo aquilo que viveu

Alguns anos se passaram
Lembranças vão indo e vindo
Brotos cantavam e dançavam
Naquelas tardes de domingo

Canções, Sonhos e Emoções
Gente feliz, sorrisos e gritos
Canções, Sonhos e Carrões
Guitarras, sorrisos e mitos

Tudo era motivo para a festa
Canções feitas para a namorada
Hoje, recordar é o que nos resta
Ter sido feliz e mais nada

Tudo aquilo foi tão bom
Foi tudo um sonho lindo
O lindo entardecer ao som
Daquelas tardes de domingo

Canções, Sonhos e Emoções
Gente feliz, sorrisos e gritos
Canções, Sonhos e Carrões
Guitarras, sorrisos e mitos

Esta abaixo é um Rock composto por Oscar em homenagem ao amigo George Freedman, que foi um dos precursores do Rock no Brasil e trás em sua bagagem sucessos de Elvis Presley, como por exemplo a canção “Good Luck Charm”.

A canção chama-se “Rock and Roll não Tem Hora”, ouçam aqui:

A letra

Rock and Roll não tem hora

O broto tá chegando e parou tudo pra olhar para ela
Estava o som rolando e o Rock and Roll é o que agitava a galera
Blue suede shoes and Rhythm Blues agora
Entra e Dança, porque o Rock and Roll não tem hora

A mina ta passando e parou tudo, pra chegar junto dela
Estava o som rolando e o Rock and Roll é o que agitava a galera
Little Richard e Elvis Presley na vitrola
Entra e Dança, porque o Rock and Roll não tem hora

Topete, canivete, mas só pra fazer pressão
Estilo Bad, Marlon e Dean, sempre com o copo na mão
Lambreta, jaqueta, hi fi, ron com coca cola
A turma dançando porque o Rock and Roll não tem hora

E ainda tem a homenagem que Oscar fez aos amigos, com títulos de canções do cantor George Freedman, em junho/2012:

George, Tania e Lucy

Quem nasceu para ser, sempre será
Quem viveu o sonho, não esquecerá
Eternas são as canções e os amigos
A “Jato”, Tânia e Lucy, aqui contigo

Quem nasceu na época, pôde ver
Quem viveu é difícil esquecer
Se o coração aperta de saudade
“Adivinhão” o que vale é a amizade

(Refrão)

No facebook, as amizades
Tânia e Lucy, que velocidade
“Olhos cor do céu”
“Cisne Branco” no papel
“Jambalaya” em Heartbreak Hotel

A gente não esquece aqueles dias
Agente era feliz e não sabia
Namoro no portão era normal
O broto e o “Correio Sentimental”

A gente não esquece “A nossa infância”
Agente sabe:”Quem espera sempre alcança”
“Um grande amor” e “Agora que te encontrei”
“Coisinha estúpida” e “Eu sempre te amei”

(Refrão)

No facebook, as amizades
Tânia Lucy, que velocidade
“Olhos cor do céu”
“Cisne Branco”no papel
“Jambalaya” em Heartbreak Hotel

“O sonho é o primeiro passo para uma conquista, é a pedra fundamental de uma grande obra em sua vida! Sonhar é preciso e viver é um presente divino!”
(Oscar Fornari)